segunda-feira, junho 08, 2009

Denim....

E honrando o símbolo que o representa, em meio a diversas lavagens, fits, designs e apetrechos o que se percebeu foi que muitas marcas conservadoras despertaram para a necessidade de surpreender e apresentaram novidades inspiradas em marcas inovadoras. Estas por sua vez, conhecidas pela irreverência e agressividade de sua comunicação, mantiveram a ousadia em suas atitudes a ponto de estender um tapete vermelho para a imprensa, não escolhendo a origem, para que assim comentarem bem ou mal - contanto que comentem - que estão presentes e incomodando aqueles que estavam no topo da roda gigante fashion. Sim, estamos falando mais uma vez da marca portuguesa Salsa Jeans, que chegou e arrasou com seu estilo arrojado e que está influenciando várias marcas que só "criavam" as five pockets.

Mas vamos falar do que se destacou na feira nos setores Denim Base, Fashion, Sport & Street, Superior, Studios VI e The Source; afinal andamos alguns quilômetros durante os três dias entre um pavilhão e outro para contar e mostrar essas novidades.

Nessa temporada, as marcas apresentaram com menos intensidade os blacks, cinzas e brancos. Porém o Denim com beneficiamentos vintage e resinados imperaram nas coleções, e detalhes como furos com tampões colados deram um toque especial aos jeans mais desgastados.

As formas continuam ajustadas com barra virada nas bootcuts e skinnies, porém a jodhpur começa a ganhar espaço dentro das marcas. O xadrez predominou nas camisarias, tops e também pode ser visto em pequenos detalhes aplicados ao jeans.

As cores estão mais queimadas, e aparecem em rosa salmão, mostarda, verde jade, tons de terra, e cinzas.

Paetês, pedrarias e metais aparecem decorando sutilmente os bolsos. Algumas marcas apostaram num Denim mais robusto chegando a 12 oz, enquanto outras iam na contramão usando Denim levíssimo com mistura de algodão e Tencel.

Nas linhas para pesponto, a novidade ficou por conta das cores vinho e uva, acompanhadas de linha preta, sendo usadas em jeans com lavagens escuras conferindo um ar sofisticado às peças.

Como companhia perfeita do jeans está confirmada, como forte tendência, os tênis e sapatos coloridos já vistos nas ruas vestindo os mais antenados.

A Colcci apresentou uma coleção equilibrada entre estilo europeu, com um leve toque brasileiro, firmando assim sua identidade para outros povos. A marca brasileira apresentou um jeans justo com bolsos decorados de bordado richelieu - ou bordado com aplicação de pedras - agregando sensualidade às peças. Shorts, mínis e estampas compuseram a coleção.

A Salsa Jeans, por sua vez, apresentou o forte da marca: lavagens agressivas como sujo sobre sujo, preto chamuscado de carbono, e até preto descarregado com algumas reservas - não esquecendo dos zíperes aplicados em lugares inusitados, braguilhas e bolsos assimétricos. Para o público masculino; bolsos oversized, muita aplicação de couro e lona, repetindo algumas propostas da campanha passada. No feminino, um shape mais sensual que valoriza o bumbum, denominado pela marca de Under - The Push of jeans.

Nenhum comentário: